O Mar Infinito – A quinta onda começou

1

 

Depois da primeira onda, só restou a escuridão. Quatro ondas já se passaram e Cassie Sullivan sabe que qualquer um, até mesmo uma criança, pode ser o inimigo.

O mundo está devastado pelas ondas de destruição provocadas pelos Outros e a raça humana está quase exterminada. Mas Cassie e seus amigos tiveram a sorte (ou azar) de sobreviver e agora devem enfrentar a 5ª Onda, que está encobrindo a Terra.

Como se isso tudo não bastasse, uma escolha extremamente difícil vem pela frente: os sobreviventes devem encarar o inverno e esperar o retorno de Evan Walker ou partir à procura de abrigo antes que o inimigo os alcance?

Mas um fato prevalece: o próximo ataque é inevitável. Esta batalha é entre a vida e a morte, esperança e desespero, amor e ódio.

Confira um trecho do primeiro capítulo de O Mar Infinito e assista ao booktrailer:

 

Capítulo 1

Pietus/Bigstock Pietus/Bigstock

 

“O mundo é um relógio prestes a parar. Eu o escuto nos dedos gelados do vento arranhando a janela. Eu o cheiro no tapete embolorado e no papel de parede estragado do velho hotel. E o sinto no peito de Teacup enquanto ela dorme. O martelar de seu coração, o ritmo de sua respiração, quente no ar gelado, no relógio prestes a parar.

Do outro lado do quarto, Cassie Sullivan monta guarda na janela. A luz da Lua se infiltra pela minúscula fresta das cortinas atrás dela, iluminando o vapor do hálito gelado que sai de sua boca. Seu irmãozinho dorme na cama mais próxima a ela, um minúsculo monte sob uma pilha de cobertas. Janela, cama, de volta à janela, a cabeça dela vira como um pêndulo. O virar de sua cabeça, o ritmo de sua respiração, como a de Nugget, como a de Teacup, como a minha, marca o tempo do relógio parando.”

 

 

Está ansioso para saber o resto da história? Então, adquira já o seu livro!