Elas voltaram rapidinho! Garotas da Rua Beacon 14


Oi, gente!

Prontos para mais novidades das Garotas das Rua Beacon? A gente espera que sim, pois o 14º volume da série, Alerta de paixão, acabou de ser publicado e está à venda em nossa loja virtual (CLIQUE AQUI para ver). Como diz o título do livro, o clima na Escola Abigail Adams anda apaixonante: Maeve, Charlotte, Isabel, Avery e Katani estão ansiosas pelo baile do Dia dos Namorados e fazendo altos planos para o evento. Só que nem tudo são flores... A Maeve acha que seu paquera está interessado em outra menina, enquanto Charlotte também desconfia que o garoto que ela gostaria que a convidasse pode acabar chamando outra pessoa. Será que há alguma chance delas estarem certas?
A Katani, sempre independente e decidida, resolveu tomar uma atitude que é a cara dela – convidar um colega muito gatinho para o baile. Avery parece não estar muito interessada em toda essa confusão sobre convites, mas pode ser que mude de ideia. Já a Isabel tem outros problemas: ela deve ir à festa ou trocá-la por um compromisso como voluntária em uma instituição que cuida de crianças?
Enquanto você não garante o seu exemplar de Alerta de paixão na loja virtual da Fundamento ou nas livrarias, fique com um trecho de mais uma deliciosa história das GRB. Confira!

Maeve se inclinou para a frente, apoiando-se nos cotovelos, com um brilho travesso nos olhos.
– Muito bem, meninas. (...) Vamos conversar sobre algo muito mais interessante. Tipo sexta-feira. Esta sexta, em específico. Pessoal, hello! O baile do Dia dos Namorados! Estou superansiosa!
Repentinamente, ela uniu as mãos junto do peito. Maeve, a “grande” atriz, estava a toda.
– Quero dizer, vai ser igual àquele filme antigo em preto e branco em que a menina vai ao baile e acaba se encontrando com o príncipe, que está disfarçado. Ele se apaixona por ela, e ela nem faz ideia de que ele é da família real. É com aquele ator inglês chamado sir Laurence Olivier. Não é um nome adorável?
Com uma expressão sonhadora, ela agitou as mãos, quase derrubando o sanduíche.
– Adorável – Avery balbuciou para as outras GRB.
– Bem, eu concordo com a Maeve. O baile vai ser totalmente maravilloso! – Isabel disse, sorrindo para as amigas. – Não vejo a hora! cheguei mais cedo hoje e me encontrei com o comitê de decoração para pendurar os cartazes que desenhamos na semana passada.
As habilidades artísticas de Isabel eram famosas na Abigail Adams, por isso não era surpresa para suas amigas o fato de terem pedido a ela que ajudasse a elaborar os cartazes.
– Então – uma Maeve determinada continuou. – Alguém já pensou com quem quer ir a esse baile incrível?
A mesa ficou em silêncio.
– Srta. Ramsey – Maeve começou, encarando Charlotte fixamente e segurando um microfone invisível bem embaixo do nariz da amiga –, nossa plateia quer saber: o que você pensa em relação a certo garoto bonito, charmoso e popular com as iniciais NM?
As bochechas de Charlotte ficaram imediatamente cor-de-rosa e as amigas explodiram em risos.
– O Nick é só um amigo – ela murmurou, secretamente querendo estrangular Maeve. Destemida, Maeve cruzou os braços, ergueu as sobrancelhas e sorriu despreocupadamente.
– Próxima! E a nossa querida amiga Katani? com quem ela deverá ir ao baile?
Pousando o dedo indicador sobre a bochecha, Maeve se virou para encarar a amiga sofisticadíssima.
– Essa é fácil – Isabel se intrometeu, limpando a boca com um guardanapo. – com o Reggie. Desde que ele deu aquela rosa para ela na feira de ciências, esse menino aproveita todas as oportunidades que tem para conversar com a garotaK. Até parece que ele está a-pai-xo-na-do – ela soletrou.
– Não está, não – Katani protestou, mas lutou contra um sorriso, esforçando-se para manter a sua famosa personalidade centrada de garotaK. Reggie, também conhecido como sr. Cálculo, era uma gracinha. na verdade, ele era simplesmente adorável, em especial depois que desistiu do jeito nerd de cursinho. Além disso, na semana passada ele tinha colado um cartão engraçado no armário dela.
– O fato de a gente conversar não significa que esteja apaixonado nem nada, embora ele realmente esteja cheio de estilo agora.
Sem jeito, Katani tirou um fiozinho inexistente da blusa preta que vestia. Tinha comprado a blusa no brechó, franzido a gola e voilà: a sua criação parecia ter saído direto das passarelas de Nova York!
– É melhor ficar de olho, Katani – Charlotte avisou. – A rainha dos romances aqui – ela indicou Maeve com a cabeça – está atirando flechas de amor em todo mundo!